Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cicatrizes

A lua esconde meus versos no fundo de um coração
que escondo nos relâmpagos onde te procuro.
Cicatrizando o teu recado que doeu mais
que um amor infinito não correspondido,
que o beijo selvagem que não roubei.
Agora o perfume de todos os amanheceres
em que não estavas comigo me empresta nova vida
quando fenece a sombra com a luz do novo dia.
Que se liberte as nossas almas represadas
nas pálpebras de uma infância que não mais canta.
Singrarei por becos escuros onde tuas pegadas
deixaram raízes.
Escreverei o meu destino
com o silêncio dos meus olhos e da tua boca,
saboreando as gotas de chuva que banharam o teu corpo,
quando tua claridade alimentava a minha alma.
Barthes.
BARTHES
Enviado por BARTHES em 08/09/2019
Código do texto: T6740258
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BARTHES
Arapoti - Paraná - Brasil
475 textos (5605 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 18:18)
BARTHES