Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Compaixão

Dores putrefas
na sombra vazia ao lado
a ausencia sentida soa compaixão
os olhos abarcam dormidas recordações.

A amizade vivida
deleita, mas não cala
o amor sentido
perde-se, mas não acaba
a ferida em febre encena compaixão.

Alma nefasta
no abismo do horizonte
feito o vazio deste sombrio coração
teimoso por teus beijos
afoito pelo teu sexo
vivído desta angústia
compaixão..

Lcambará
Enviado por Lcambará em 14/10/2007
Código do texto: T694303

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lcambará
Camaquã - Rio Grande do Sul - Brasil, 40 anos
17 textos (1844 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 16:01)
Lcambará