Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GOSTO ÍNTIMO



Aqui neste meu chalé, tem um lugar reservado,

tem chamego, tem carinho, tudo bem preparado.

Tem uma cama bem quentinha, enfeitada multicor...

ela é toda bem molinha, no jeitinho do amor.

A rede lá na varanda, não cansa de lhe esperar,

nem sei se já esqueceu,o seu modo de amar.

O jardim está em festa, mil borboletas voando,

sem falar na lua cheia, lá no céu lhe aguardando.

No firmamento as estrelas, estão também reluzentes,

vivem que nem jóias raras, tomando conta da gente.

As madrugadas secretas, quantas em pleno furor,

ainda terão trabalho, para adocicar o amor.

Manhãzinha chega o sol, com seus raios cintilantes,

guarda todo o seu encanto, para brindar os amantes.

Até a tempestade, ao varrer o duro chão, lançam

estilhaços na janela, seguidos de forte trovão,

qual nada...são gotas de luz prenúncios da forte paixão.

Repentinamente , desperto ...vejo que não é verdade,

parecia que a natureza revelara cumplicidade...

bons momentos deleitados solitária em cama fria,

tudo se passara na escuridão da noite e eu...dormia.






Elen Nunes
Enviado por Elen Nunes em 17/09/2007
Reeditado em 18/04/2008
Código do texto: T656849
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Elen Nunes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 69 anos
511 textos (33518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 21:10)
Elen Nunes