Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAIS, CRIANÇAS E MONTEIRO LOBATO

Ai, são tantas saudades da infância e, dói
Do pica-pau amarelo era o sítio herói.
Lembro assim da menina bela Narizinho
Do menino querido, que era então, Pedrinho.

Acompanhando cada aventura e, ou trilha
Vi a esperança nos olhos da boneca Emília.
E, da tia Nastácia com seus bolinhos
Enquanto que a vovó Benta com mil carinhos,

Lia pra criançada a história do gato,
Ou do saci da perna só, do gran Lobato
Que é Monteiro o também, criador do visconde

E, essa infância assim em mim, tanto se esconde
Que vez ou outra, vislumbro em meu olho que brilha
A possibilidade de tal maravilha...

Por isso, sou mui grata ao meu pai que não tinha
Preguiça de ler pra mim, tal fosse rainha
E, dizia comigo ao colo: _Minha filha,
A criança que lê é o grande que não se humilha!
E, mais, agradeço também de imediato,
A ti, meu grande amigo: Monteiro Lobato!
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 02/10/2007
Reeditado em 11/04/2009
Código do texto: T676823

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48262 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 11:13)
Tânia Regina Voigt