Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NO RALO ROLA

Um dia ajuizou ser mar
Hoje se vê um simples seixo
Em terreno falso a rolar
Apenas um seixo bruto
Sem força, sem eixo.

Com ímpetos de ser jóia rara
No terreno enxuto
Vida que pára
E, o habitat é ralo.

Espaço inexiste
Um anjo sem halo
Reles seixo
No ralo
Rola

Covil de pérfidos
Putrefatos
Agonizantes
Perdidos
Agonias...

Instantes
Exauridos
No ralo
Rola

Fantasia
Espuma
Demagogia
Vastidão...

Sonhos
Decepção
Enfadonhos
No ralo
Rola
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 21/10/2007
Reeditado em 02/04/2009
Código do texto: T703849

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48260 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 06:25)
Tânia Regina Voigt