Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo de Voar

MEDO DE VOAR !

De repente tudo se escureceu
Achei estranho
De joelhos todos começaram a rezar

Será que o mundo vai se acabar ?
Sai e o céu estava lindo
“azul”

Haviam muitas pessoas na rua
Que loucura o que estou vendo
Notei  elas voavam até o céu e voltavam

Tentei fazer o mesmo, não consegui
Uma velhinha me perguntou
“_Você não vai para o céu? ” então respondi:

_NÃO, EU NÃO SEI VOAR !

Andando a noite pela cidade
O que eu vi não acreditei
Homens se acabando de todas as formas

Por um instante vacilei
Então senti o que eu só via
Tudo o que há de pior ficou tão normal

Pensei ter forças para sair
Daquilo tudo era muito simples
A cada dia que eu ficava era mais difícil

Chegou um tempo em que a vida
Nada valia por que vou viver?
Melhor sair decolar, como um pássaro voa embora

_MAS NÃO, EU NÃO SEI VOAR !

Quando o medo toma conta
Bate um desespero, a quem recorrer?
Nem sempre a solução é a melhor
Talvez melhor não viver

Seres humanos como animais
Ninguém respeita ninguém, eu vou fugir vou correr!
Dessa floresta selvagem
Onde a lei é matar pra viver

Senti o um medo tão grande
Minha vida acabou sem eu perceber
Mas de repente eu acordei
De um pesadelo após falecer

Fabricio Silva Lima - 1999
Fabricio Silva Lima
Enviado por Fabricio Silva Lima em 12/11/2007
Código do texto: T733603
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar Fabricio Silva Lima e o link "http://recantodasletras.uol.com.br/contoscotidianos/551448"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabricio Silva Lima
Londrina - Paraná - Brasil, 37 anos
46 textos (2277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 15:19)
Fabricio Silva Lima