Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

09/09/07

essas noites eu passo segurando o travesseiro,
sentindo meu próprio cheiro.em um pano.
e me aquecendo com o sono.
eu seguro o choro,o riso,a exposição

se eu ouvir passos e a porta
se abrir eu continuo sendo
o rosto enfiado no travesseiro.
o amor é uma metáfora.

o amor é cego
não te vejo
te amo
.
sexta-feira
e eu só tenho a distância em uma mão fechada
e a distância entre uma mão e outra
quem pendura máscaras de porcelana em minha parede de tijolos?

foolana
Enviado por foolana em 13/11/2007
Código do texto: T734978
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
foolana
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 27 anos
21 textos (518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 14:49)
foolana