Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PÁSSAROS DO ANOURÁ - Poetrix - 18ª Tríade

LAVOURA PERDIDA
Preciso semear
palavras; lavoura perdida,
tempo de esperar.

PARA QUE VIVAMOS!
Convém não morrer agora
que todos necessitamos
de aurora.

RÉU CONFESSO
Venho nestes versos
dizer-vos: sou desses poetas
dispersos.

Enzo Carlo Barrocco
Enviado por Enzo Carlo Barrocco em 29/08/2006
Código do texto: T227780
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Enzo Carlo Barrocco
Belém - Pará - Brasil, 58 anos
813 textos (139568 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/18 02:24)
Enzo Carlo Barrocco