Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carolina

Era uma vez uma menina,
Que se chamava Carolina,
E trabalhava num posto de gazolina.
Ela morava numa favela,
Numa casa amarela,
Sem porta e sem janela,
A garota não saia da passarela,
Estava sempre vestida de cinderela,
Carolina era mesmo muito bela.
A menina gostava mesmo de estudar,
E professora queria se formar.
Mesmo na sua simplicidade,
Lutava por uma oportunidade,
Queria ser feliz de verdade.
A mocinha era pura graça e emoção,
Com o seu rebolado de sedução.
Sempre em busca de sua tão sonhada profissão.
Encantava a todos com o seu olhar,
E todo mundo queria com ela se casar.
Mas seu plano era bem diferente,
Por isso encantava a tanta gente.
Então alcançou a faculdade,
Mudando a sua triste realidade.
Com muito esforço e satisfação,
Tornou-se uma maravilhosa professora para Educação,
Alcançando os seus projetos com determinação.
Por isso faço esta homenagem,
A todas as mulheres que lutaram com coragem.
Ao exemplo de Carolina, mudaram à sua história,
Lutaram e foram ao encontro da vitória.


( Está poesia fiz para ensinar a rima na escola, você tira uma palavra e eles completam a rima corretamente com coesão e coerência. Dedico a minha tia Carolina Rodrigues da cidade de Birigui.)


Leila Rodrigues
Enviado por Leila Rodrigues em 15/05/2011
Reeditado em 08/06/2011
Código do texto: T2971826

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Leila Rodrigues
São Paulo - São Paulo - Brasil
397 textos (24283 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/01/20 08:33)
Leila Rodrigues