Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

= (????) =

Estou parado. Voltado pra trás no acostamento.
No frio e contra o vento. Sujeito a toda sorte
de acontecimentos..
Na contramão da história, da via, da vida, do tempo...
Meu GPS pifou. Mapas, guias, joguei-os todos fora.
Esqueci caminhos que sabia de cor. E agora?
Não sei onde estou.
Não sei como daqui saio nem pra onde vou.
Não vejo horizontes. Já passaram.
E para os outros estou de costas
Vidros embaçados.  Não sei mais o céu.
Se azul ou cinza. Se noite ou dia
Se chove ou não. Muda tanto a previsão.
Tanto já ensolarou, escureceu,
enluarou, estrelou, em chuvas chorou...
Hoje até minhas retas tem curvas e
minhas curvas não acenam retas, nem lugar algum
Sem retrovisor, o tempo me ultrapassou
e me abalroou...
Agora de um lado abismo, do outro barranco
Quase sem combustível, motor pifando,
daqui a pouco não pega mais, nem no tranco.
Pressinto ficar aqui parado, horas
Mas que diferença faz, para quem não sabe
para onde vai, a demora?
Uma luzinha tênue teima no teto.
O que me salva ainda é esse resquício
de bateria, sem o qual nem esse texto
eu escreveria...

= Roberto Coradini {bp} =
21//07//2015
BETO bp
Enviado por BETO bp em 21/07/2015
Código do texto: T5318369
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
BETO bp
Jundiaí - São Paulo - Brasil
3527 textos (216835 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/09/21 20:53)
BETO bp