Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Que será felicidade?

Quem ainda está vivo, pode considerar sua vida inglória se juntar as botas sem nunca ter ouvido os TRIBALISTAS. A vida é curta, faça-a valer apena. E para tal esqueça ser rico, basta valorizar detalhes, maximizar sorrisos e viajar. Se não tiver passagem, viage mesmo aí, deitado na tua cama, também bate. Ontem viagei, deitei-me num colchão espatifado, aí mesmo no quintal e observei a maravilhosidade das estrelas, enquanto pitava batatas fritas com salada e salsichas que eu mesmo cozinhei. Dei por mim a lacrimejar, não sabia o motivo mas só podia ser por uma boa razão, senão não teria a alma leve que tive depois disso. Hoje estou a programar outra viagem, esta será no muro de cá de casa, onde eu possa observar os transeuntes, terei um copo com coiso na mão, vou tentar viajar na mente de quem passa, dos um pouco felizes dos nem tanto infelizes, vou procurar buscar dos corações das pessoas a molécula que nos faz uns ricos em tristeza e outros pobres em felicidade. Na verdade, felicidade é somente isto: o quimérico; o intangível; o inalcançável. Por isso é que lutamos para continuar a viver, alimentamos a ilusão de que um dia ela nos toca, vira factual, nos enche os corações é sonho, é utopia, felicidade nunca vem, a malta espera mas ela jamais vem. É um deus.
Eduardo Rocha Bie
Enviado por Eduardo Rocha Bie em 18/05/2017
Código do texto: T6002789
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo Rocha Bie
Lubango - Huíla - Angola, 32 anos
2 textos (16 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 21:07)