Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Só a noite



         23 horas . Deitada na cama . A melhor hora do dia . Hora de sonhar . O sonho que precederia o sono. Hora de  viver sua realidade . E sua realidade era sonhar em ser feliz . E seu sonho era ser feliz  na realidade.
         Mas por mais que a realidade continuasse a teimar em não ser  tão feliz , o sonho continuava a trazer  o que ela mais queria . Nos sonhos , na sua fértil imaginação noturna  , Pedro estava presente .
         E ele estava em seus braços . Sentia seu perfume . Podia até sentir o gosto de seu beijo . Escutar sua voz . Se aninhar no calor  daquele abraço . Não importava se era ou não uma criação mental . Ele estava presente e a fazia sorrir.
         E na  melhor hora do dia , deitada na cama sonhava. Vivia sua realidade e era feliz . Até que o sono chegasse , como presságio de um novo dia , e a roubasse dos braços do amado. Mas não havia problemas . Nem mesmo a realidade havia , pois a noite  , e seus encantos, sempre chegaria . E lá pelas 23 horas , iria deitar e  sonhar . E  em seus sonhos ele novamente a iria fazer feliz .

Só a noite
Na noite só
Seria feliz
e nada mais ...


     Sempre na solidão da noite solitária o amado estará presente ...


Reginna Sampaio




Reginna Sampaio
Enviado por Reginna Sampaio em 22/08/2007
Código do texto: T619539
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Reginna Sampaio
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 45 anos
37 textos (3367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 15:47)
Reginna Sampaio