Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Avanços da noite

Minha caçada começa no obscuro do anoitecer,
mas ao contrário do que pensam,
a noite não é dos malvados

O negrume sobrepõe a identidade,
o rosto torna-se ábdito
e apenas o olhar furtivo permanece aceso

Corredor clandestino da floresta,
faz caminhar em passos tênues,
contorcendo-se na sombra dos galhos,
afim de fugir do lampejo da lua

Perspicácia nos dedos atraem um desígnio tentador,
o lapso se faz presente
apenas para observar o bailado dos pássaros zarpando a treva

A noite não é dos malvados,
e o desacerto se faz certo em meio a escuridão
Angel Archer
Enviado por Angel Archer em 12/01/2018
Código do texto: T6224199
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Angel Archer
Oxford - New York - Estados Unidos
2 textos (32 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 02:15)
Angel Archer