Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
**CURRÍCULO INVÁLIDO**
****************************************
Quem és tu cavalheiro.
Neste tribunal entre luzes
Tão diferente ofuscando-me a visão
Não me lembro de ter lhe contratado
Para ser meu defensor
Nem por razão, desejo, ou vontade
Que lugar é esse, onde me encontro?
 
Aqui, não é o céu ou inferno.
Você não se encontra
Na metade do caminho morrestes
Serás julgado nessa província
Sou o sombrio anjo que plantastes
Dentro de ti, rei da covardia
Senhor da Insensibilidade
Avareza de sua fortuna.
 
Nem um caramelo ofereceu ao miserável.
Ausência de modéstia, muita rusticidade!
Quem és tu gentleman?
 
Promotor ou Conde das Trevas, seu arrogante!
Sou seu vício por deficiência, és enfado!
Vivestes na indiferença, com frouxidão
Sem nenhum Bônus
No descrédito próprio
Foi pleno na Malevolência.
 
E esse outro homem provocando-me?
Vomitando gargalhadas em minha cara!
 
Sou sua podridão por excesso
Na libertinagem.
Tendo esbanjamentos carnais, animalescos
Não contidos, em deleite incorporado
Na temeridade, amante da vulgaridade
Mil vezes tuas vaidades percorreram
De braços dados com a ambição
No polido orgulho.
 
Sua filarmônica chama-se condescendência
Afinado coro da inveja
Fez doutorado na zombaria!
 
É você, senhorita?
Que transmite essa colossal paz
Sou a virtude que você nunca teve
Coragem para as coisas boas.
Temperança com prudência
Prodigalidade somada com magnificência
Onde está a gentileza alinhada com amizade?
 
Faltou em ti veracidade
Respeito próprio
Foste desafortunado
Na agudeza de espírito
Inválido está o seu currículo!
 
O juiz, os jurados aqui presentes
São luzes que lhe ofuscam a visão
Não poderás seguir viagem.
Terás que ser internado
Para fazer uma demorada assepsia
E quando essas luzes
Não mais estiverem ofuscando-lhe a visão
Estará pronto para seguir viagem!




SAM MORENO
Enviado por SAM MORENO em 07/09/2007
Reeditado em 05/02/2011
Código do texto: T642032

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SAM MORENO
São Paulo - São Paulo - Brasil
600 textos (60923 leituras)
3 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 17:50)
SAM MORENO