Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No Princípio dos Tempos

No princípio dos tempos tu deves ter estado presente.
Se não… como explicar tantas coisas belas que nos cercam?
As borboletas… por exemplo… Eu sempre me questionei sobre a variedade de cores dessas belas flores aéreas. Nunca me intrigaram as formas… mas as cores…
Para essas alvas que passam e pousa um pouco por todo o lado, deves ter usado um dedo… Para as outras cores, acredito que te tenhas esmerado com os olhos, com os lábios, ao de leve, como um sopro. Compuseste em forma o que tens em aroma… dispôs-se em cores o que teus olhos têm em brilho.

Mas que dizer das flores da noite? Essas mariposas tão ternas e tristemente sumidas até um agressivo negro?

Eu acredito… acredito que eu também estive presente no princípio dos tempos.
Gilberto Cardoso
Enviado por Gilberto Cardoso em 08/09/2007
Código do texto: T643814

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Cardoso
Portugal, 48 anos
91 textos (2874 leituras)
1 e-livros (54 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 01:06)
Gilberto Cardoso