Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Triste Partida

Na madrugada sombria, você partiu...
Como a fugir da escuridão ao encontro da luz,
Partiu sem se despedir...
Apenas, partiu...
De repente, um frêmito percorre minha alma,
Como a fosse sufocar,
A saudade já se faz sentir,
Dor ingrata que me impede de gritar...
Sinto como se a vida tecesse uma trama,
Que não posso desfazer...
E a ela me rendo a chorar,
Pergunto num grito inarticulado,
O nada se conserva mudo,
O tudo se torna em nada...
Mas, que importa agora?
Tudo já acabou...
O nada ficou...
Foi à vida que retomou,
À verdadeira na pátria espiritual.
Sobrando somente lembranças
Com que o passado me presenteou...
E agradecida por elas,
Meu coração parece dizer,
Numa canção cadenciada:
Que o amor seja seu guia,
A fé o seu arrimo,
Haja luz em ser,
Sua alma abençoada,
Pelo amor de Senhor,
Nosso Pai Criador,
Siga em Paz
Meu amor...
maristella barros
Enviado por maristella barros em 11/10/2007
Reeditado em 26/06/2008
Código do texto: T690568

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
maristella barros
Amparo - São Paulo - Brasil
82 textos (3002 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 14:01)
maristella barros