Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SORRIAM, SORRIAM!


Eu não sou pedra pra ficar paradão,
mas tenho todos os minerais em meu corpo,
sangue e poesia no meu coração,
na minha alma tenho oração e alegria de vida.
Mas eu sou humano e choro também,
minha ferida dói e não sou hipócrita de sorrir,
se não me agrada, não agrado ninguém,
por que aturar os sádicos e masoquistas?
Oitenta por cento do mundo é alma e carne,
outra porcentgem, empresários, peruas e analistas
e esses aí, que vendem seu conselhinhos maravilhosos,
principalmente pra elas que estão no sofá do spa,
nunca pisaram no lixo da ruas descalçadas,
nem choraram dor sem remédio, nem a porcaria e o tédio...
É muito facil sorrir sem dentes cariados,
com muito champanhe e muitos criados...
Eles olham o desfile de escola de samba dos necessitados,
Dizem "sorriam, sorriam sejam, todos alegres e felizes"!

Depois acordam no flat e go to food!

[WalterBRios 22/10/2007]
Walter BRios
Enviado por Walter BRios em 04/11/2007
Reeditado em 28/11/2007
Código do texto: T722464
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Walter BRios
Salvador - Bahia - Brasil, 62 anos
358 textos (13952 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 20:09)
Walter BRios