Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O País que não quer Política

O Brasil e o mundo são basicamente regidos pelo que denominamos Democracia. Assim sendo, nosso país poderia, com as devidas manifestações e direitos a nós direcionados, como o voto, o poder de protestos e a união de sindicatos, solucionar imediatamente problemas que simplesmente não deveriam existir, como a corrupção, o abuso de poder e o descaso com a população.

Porém o povo brasileiro é muito unido sim, em eventos que de nada auxiliam e direcionam o país economica e politicamente. O cidadão brasileiro sabe como nenhum outro engrandecer-se quando o assunto é futebol, esporte, música, enfim, tudo o que a si convém.

Opondo-se a isso, a união do povo é facilmente rompida quando "os dias infernais das campanhas eleitorais" chegam. Aliás, se unem sim, mas para desta vez criticar. Somente criticar. Falam que político não presta, que não tem paciência para assistir debates, campanhas, comícios.

Nós, brasileiros, uma vez tendo em nossas mãos o poder máximo de um povo, onde podemos escolher definitivamente os nossos governantes, e assim sendo, os governastes do Brasil, deveríamos nos empenhar para saber as propostas de cada candidato, e votar sabendo que estamos decidindo, juntamente com outros milhões de eleitores, o futuro da nossa nação nos próximos quatro anos. E se, apesar da campanha bem sucedida, o candidato eleito não engajar-se em suas metas propostas, devemos sim, como em outras raras situações, manifestar nosso protesto, sendo que, além do direito de colocá-lo no poder, temos o grande poder de retirá-lo.

Muitos brasileiros desconhecem seus direitos e as verdadeiras atitudes de um governante, pois não lêem, não ouvem ou não assistem a telejornais sobre o tema. E quando o fazem, usam apenas um veículo de comunicação que, apesar dos esforços de muitos para isso negar, são muitas vezes tendencialistas. Dado a esse fato nós, meros e ao mesmo tempo honrosos eleitores, devemos aprender a votar, deixando de lado o desinteresse, procurando instruir-nos melhor e fazendo com que o ato de votar ultrapasse o simples teclar de botões e passe a ser a esperança de um país melhor.


N.A.: Esta foi minha redação no ENEM de 2002, que me rendeu uma nota 100.
Michereff
Enviado por Michereff em 21/02/2007
Código do texto: T388180

Comentários

Sobre o autor
Michereff
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 34 anos
22 textos (662 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 21:16)
Michereff