Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS LINHAS E OS PONTOS

         
     

          Tudo começa num PONTO, por isso, geralmente o chamamos de ponto de partida. Mas o ponto subentende a ideia de coisa parada, estática, até quando escrevemos, ou lemos um texto, o ponto nos remete a uma pausa. Porém o ponto é algo carregado de uma energia que a qualquer momento explodirá gerando setas em todas direções. Escolhamos uma delas (como ponto de partida) e já imaginamos uma reta, uma linha de chegada em algum lugar (objetivo?), que pode ser algo, alguém ou aonde.
          Em termos ideais, entre as linhas, a reta teria que ser a preferida, o caminho mais curto, se possível sem que se “pise fora da linha”, expressão que se entende como fazer algo errado.  Partindo deste “ponto” a reta simboliza o certo, gerando termos afins com “retidão”, o que nos leva a crer que o que é direito é o que é direto.
          Por outro lado, as linhas curvas são as preferidas dos homens quando o assunto são as mulheres, e trazem sempre consigo a ideia de perigo, o perigo de que a sedução nos leve a uma situação não desejada.
           Já nas estradas existe sempre o perigo real de um acidente, provocado por quem? Pelas perigosas curvas que existem lá.
           Niemeyer sempre deu grande ênfase a elas (as linhas curvas) em seus mais avançados projetos de arquitetura porque, segundo ele, são as que melhor representam as linhas do nosso relevo e os meandros dos nossos rios.
          Só para finalizar gostaria de dizer que, na minha opinião, a vida sem algum risco seria muito monótona. Em matéria de linhas, fico com as duas e PONTO FINAL.
Jota Garcia
Enviado por Jota Garcia em 03/05/2018
Reeditado em 03/05/2018
Código do texto: T6326045
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jota Garcia
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 81 anos
553 textos (18957 leituras)
5 áudios (222 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/18 10:55)
Jota Garcia