Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Três filmes inspiradores: Matar ou Morrer (com Gary Cooper); El Cid (com Charlton Heston); e, Perdido em Marte (com Matt Damon).

Três filmes inspiradores. Perdido em Marte (de Ridley Scott; estrelado por Matt Damon); Matar ou Morrer (de Fred Zinnemann; estrelado por Gary Cooper e Grace Kelly); e, El Cid (de Anthony Mann; estrelado por Charlton Heston e Sophia Loren).
Em Perdido em Marte, Mark Watney (Matt Damon), astronauta americano, se vê, só, no planeta vermelho. Para a sua subsistência, cultiva, em uma estufa, batatas. Bem-sucedido, consegue, no decorrer de alguns dias de cultivo, colher uma boa quantidade de tal tubérculo. Um dia, porém, um acidente destrói a estufa, e, por consequência, a plantação de batatas. E Mark Watney depara-se com uma situação desesperadora: Terá de permanecer em Marte, à espera de resgate, um tanto de dias, mas não poderá colher batatas para renovar o seu estoque. Controla-se. E pensa, preocupado e calmo. E principia-se um novo capítulo de sua peripécia pela sobrevivência, sem se deixar governar pelo medo, pela desesperança. E uma de suas medidas foi reduzir o consumo diário de batatas, seu único alimento. Mensura o seu estoque de batatas. E verifica quantos dias terá de, em Marte, esperar pelo resgate. E faz os cálculos. E divide as batatas em tantas partes, para comer uma certa quantidade de partes de batatas (e nunca uma batata inteira) por dia. O seu esforço é sobrehumano; disciplina-se; não se deixa sucumbir ao desespero. E enfrenta um inimigo avassalador: a fome. Não esmorece. E é bem-sucedido. A sua luta pela sobrevivência, heróica. Ao final de suas aventuras em Marte, está magérrimo, esquelético; e seu amor pela vida, intacto. E é resgatado. E regressa ao seu lar, a Terra.
Em Matar ou Morrer, o xerife Will Kane (Gary Cooper), recém-casado com Any Kane (Grace Kelly), recebe uma notícia, que o preocupa: a vinda à Hadleyville, cidade do Novo México, de Frank Miller (Ian MacDonald), um bandoleiro que ele, Will Kane, anos antes, capturara e enviara à prisão. E Frank Miller e seus comparsas iriam se vingar de Will Kane. Exortam os cidadãos de Hadleyville o xerife Will Kane a ir-se, em lua-de-mel, embora; que ele salvasse a própria pele. Will Kane principia a viagem; todavia, em um certo ponto, decide regressar à Hadleyville, para defendê-la de Frank Miller e seus comparsas. Solicita ajuda aos moradores. Suplica-lhes ajuda. E é por eles abandonado. Oferecem-lhe ajuda um bêbado e um garoto, ajuda que ele sensatamente rejeita, respeitoso. Em nenhum momento, pensa em desistir. Decidido a enfrentar os seus inimigos, o faz, e só, certo de que poderia vir a morrer. Enfrenta-os. E recebe a ajuda de sua esposa. Vitorioso no embate com os seus inimigos, retira-se, na companhia de sua esposa, de Hadleyville.
Em El Cid, o herói, Rodrigo Diaz de Bivar, o El Cid (Charlton Heston), em batalha contra o emir Ben Yussuf (Herbert Lom), lidera os espanhóis. E é ferido de morte. Mesmo em situação tão dramática, certo de que das mãos da Morte não escaparia, ciente de sua responsabilidade e de que a sua presença, no campo de batalha, à frente de seu exército, era imprescindível para a vitória dos espanhóis, rejeita os conselhos dos que lhe pediam recolhimento, e decide seguir combate. Morre. E lidera, montado em Babieca, seu cavalo, à cela amarrado, e ladeado por Rei Afonso (Johm Fraser) e Al-Mu'tamin (Douglas Wilmer), os espanhóis, que, vendo-o, animam-se, e, animados, entregam-se à batalha, e arremetem-se, bravos, destemidos, contra os invasores. El Cid vislumbrara a morte, e decidira, heroicamente, enfrentá-la. A sua coragem inspirou ao seu povo a vontade de persistir combatendo os invasores. E a vitória foi a recompensa.
Nestes três filmes, os homens assumem postura heróica. Conservam-se, apesar da situação desesperadora, calmos, serenos. São homens fortes. Da têmpera do aço. São heróis. Em Perdido em Marte, Mark Watney luta pela sua sobrevivência. Em Matar ou Morrer e em El Cid, Will Kane, herói daquele, e Rodrigo Diaz de Bivar, herói deste, lutam pela sobrevivência, cada qual, de seu povo, dispostos a perderem a própria vida em defesa, Will Kane, da vida de ingratos, que o abandonam, Rodrigo Diaz de Bivar, o El Cid, da de um povo que o ama. Will Kane sobrevive; El Cid morre. Destes três heróis, o maior é Rodrigo Diaz de Bivar, que, mesmo morto, luta, e conduz seu povo à vitória.
Ilustre Desconhecido
Enviado por Ilustre Desconhecido em 24/03/2020
Código do texto: T6895780
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ilustre Desconhecido
Pindamonhangaba - São Paulo - Brasil
793 textos (12291 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/03/20 15:50)