Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Separação...

Agora chega a noite e como assim fostes um açoite
Um vento frio sopra em agosto, um desgosto um gemido
São horas em pensamentos, onde se rompem correntes
Desnudos de nos acontece o ato, assim partimos separados

Grilhões rompidos em conversas uma oração
No confessionário de uma igreja em desordem, um choro santo
Longe um do outro como por finco o destino assim quiseste
Pensamentos em dois, mas caminhos solitários... o triste recomeçar

Na clemência do amor partido, dois que ficam uma lagrima que cai...
Encostados tentam manter mas a pintura já não esconde a realidade
São laços desfeitos de amores perfeitos que não passaram de sonhos

Um simples olhar, novamente um estranho, olhando o desencontrar
De rios que não correm mas em uma mesma direção
Em corpos que não acreditam em separação... afinal houve amor?
Edson Junior
Enviado por Edson Junior em 05/08/2008
Código do texto: T1114213
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edson Junior
Recife - Pernambuco - Brasil
234 textos (7086 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 11:01)
Edson Junior