Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HABITANTE QUE SOU DE UMA POESIA!

Na humildade dos versos desse poeta
Que habita o íntimo Ser de uma poesia!
Onde há uma discreta e tão repleta
Luz para iluminá-lo em simetria

Com o mundo feliz que lá completa.
A Inspiração: suprema em fantasia
De quimera d'amor lhe vem seleta
De belos adjetivos todo dia...

Inspiração luzindo sentimento
-- Com a chama de Deus por entre as mãos! --
Dos dedos faz colar palavras Santas

No Uni(verso) Supremo onde, no vento,
Dissipa paixão d'alma em suaves grãos
De areia que evolam nela: mantras...
(São Paulo, para Carla, 11 de junho de 2005 - 10:35h)
Alexandre Tambelli
Enviado por Alexandre Tambelli em 25/07/2006
Reeditado em 25/11/2012
Código do texto: T201962
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Alexandre Tambelli
São Paulo - São Paulo - Brasil, 52 anos
674 textos (145322 leituras)
8 áudios (3207 audições)
1 e-livros (410 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/03/21 00:37)
Alexandre Tambelli