Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÚLTIMO SUSPIRO...

Defenda-me da dor, me cubra com teu manto!
Tal qual a grande esfinge protege o santuário...
Pois és todas as contas do fiel rosário
Que eu rezo com esperança, às custas do teu canto.

E teus são meus instantes de infantilidade,
Meus risos, minha lágrimas mais verdadeiras...
Os meus momentos tristes, minhas brincadeiras,
Minha menor mentira e a maior verdade...

E a ti dedico todos os meus sentimentos;
Meus sonhos, meus delírios, meus contentamentos,
Meus desejos secretos e o ar que eu respiro...

E hás de ser o sol da minha meninice,
O lenitivo porto, quando na velhice
Eu der sobre teu corpo o último suspiro!

Nizardo Wanderley
Enviado por Nizardo Wanderley em 25/01/2007
Reeditado em 26/01/2008
Código do texto: T358673


Comentários

Sobre o autor
Nizardo Wanderley
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
684 textos (96564 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 14:08)
Nizardo Wanderley

Site do Escritor