Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 Rabiscos
 
Papel e caneta na mão
Rabisquei estas palavras
Tentando dar sentido 
As frases que eu formava
 
Mas logo veio a noite
Foi se embora a inspiração
A caneta sobre o papel
Não obedecia a minha mão
 
Os versos que eu sonhei
Como meu sonho eu esqueci
A noite foi minha inimiga
 
A poesia que eu buscava
Escrever pra minha amada
Não passou de um rabisco!

Volnei Rijo Braga

Pelotas: 19 / 08 / 2013
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 19/08/2013
Código do texto: T4441133
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
2317 textos (155553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/21 18:32)
Volnei Rijo Braga