Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS GLÓRIAS DESSE AZUL

Não choras. A esperança não está perdida
Não vês o imenso azul lá em cima?
Nele estão os bens que não tiveste em vida
Nele não existe o mal que te desanima

Por que choras? Se aqui, tua alegria esvaecida
Não te deixa ver a beleza de uma rima
Pensa na inexistência, na região desconhecida
E descobrirás teu pão, tua água, tua obra-prima

Esquece tua dor, esquece teu sofrimento
Tudo isso é a vida, é um momento
Passará quando pensares na imensidão azulada

Sorri.Já pensaste os anjos abrindo-te alas?
As glórias desse azul não te dizem nada?
Morre e passarás a conquistá-las.
JOAQUIM RICARDO
Enviado por JOAQUIM RICARDO em 06/07/2007
Código do texto: T554059
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
JOAQUIM RICARDO
Recife - Pernambuco - Brasil, 60 anos
3640 textos (58845 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/05/21 20:24)
JOAQUIM RICARDO