Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Luas Transparentes

   Sublime poesia que habita em minh'alma
   Versos que dançam com a fantasia
   Madrugada cúmplice que me acalma
   Inspiração acariciante esperando o dia.

   Os flocos de neve esvoaçam no espaço
   Ó branco inverno de luas transparentes
   Que surgem andantes no céu sem laços
   Em noite de rimas incandescentes.

   Esse orvalho gélido que estremece a flor
   Desconhece os ardores dum supremo amor
   Em lampejar preciso e prosas clássicas.

   Vento invernal do frio não tenho temor
   Pois minha essência tem calor promissor
   Aflorando emoções, em reações mágicas.


   Grata e honrada, pela brilhante interação, nobre
   poeta CasMil.

   Quando a alma alberga a poesia
   O espaço se torna transparente
   Logo o poema nasce e se cria
   E vive a alma feliz e contente...  
Verdana Verdannis
Enviado por Verdana Verdannis em 21/07/2019
Reeditado em 03/08/2019
Código do texto: T6701357
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Verdana Verdannis
Fortaleza - Ceará - Brasil
240 textos (23563 leituras)
55 áudios (2858 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/19 11:49)
Verdana Verdannis