Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BÚSSOLA

Meu coração é nau perdida a vagar
Enfrentando a procela – e a tempestade
Andado pela estrada da saudade
Distante busca terra e está no mar...

Enfrentando as ondas, sem parar
Procura na esperança a cidade –
Aonde s’é feliz – e com vontade,
Os zéfiros enfrenta – os gênios do ar

Pois usa como bússola a esperança
Também a intuição como uma guia
Da aurora até o ângelus não cansa

De esperar aquela redenção...
Mas, de repente, uma coruja pia
Dizendo assim: “Oh pare de ilusão!”

                                                     27/09/07
Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 27/09/2007
Reeditado em 27/09/2007
Código do texto: T671261

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (75690 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 12:16)
Gonçalves Reis