Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Irresignado e poeta.

Oh monstro infeliz que tanto me limita!
Que me faz ter medo de como vem a vida,
E muitas vezes pensar o que nao se diz...
Não me derrotas nem quando me entristece.

É que mesmo triste eu sou de fato alegre!
O peso do mundo a minha causa enobrece,
Ainda que o meu otimismo seja infeliz...
Eu em nenhuma hora de tormento desisto!

E quando ouvires que por algo me aflinjo,
Duvidai como o morto que pensa e respira.
Uma vez que é em verdade a minha sina,

Viver os dias tentando evitar que digam:
Que passei pela vida irresignado e poeta,
E que devido às guerras de medo não vivi.

Uil
Elisérgio Nunes
Enviado por Elisérgio Nunes em 11/09/2019
Código do texto: T6742988
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Elisérgio Nunes
Parnarama - Maranhão - Brasil, 26 anos
475 textos (6723 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/19 09:26)
Elisérgio Nunes