Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em negras trevas ias num céu nublado

Em negras trevas ias num céu nublado,
silente como monja na clausura...
Astro que a luz pálida emoldura,
ó lua tristurosa do meu passado.

Quando ouço cantar entristecidos,
os pássaros que voam sobre os sepulcros...
Entoas a nênia dos meus sonhos pulcros,
doirada a harpa dos meus tempos idos.

Pelas sombras de um pesar profundo,
a reviver, memórias, eis que sigo,
rastros d'alguém que deixaste este mundo.

E hoje que o peito sofre angustiado,
viestes, tu, prantear aqui comigo,
ó lua tristurosa do meu passado.
ThiagoRodrigues
Enviado por ThiagoRodrigues em 14/02/2020
Código do texto: T6866311
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
ThiagoRodrigues
Itirapina - São Paulo - Brasil, 35 anos
19 textos (181 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/02/20 16:44)
ThiagoRodrigues