Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EXAGERO



Exagero de mundo
Exagero de tudo
Exagero de impuro
Exagero sem rumo.

Exagero do passado
Exagero assim e assado
Exagero mal acabado
Exagero desconsolado.

Exagero do exagero
Exagero ou pesadelo?
Exagero sem medo

Exagero sem escrúpulos
Exagero exagerado às vezes surdo
Exagero do ser em acúmulos.
POETIZA DO ANOITECER
Enviado por POETIZA DO ANOITECER em 14/10/2007
Código do texto: T694326
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.sonetosepoemas.zip.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
POETIZA DO ANOITECER
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 44 anos
44 textos (2431 leituras)
1 áudios (50 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 15:35)
POETIZA DO ANOITECER