Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lágrimas de orvalho a desabrochar

Lágrimas de orvalho a desabrochar...
Nos canteiros sou flor de felicidade.
No jardim sou passarinho a te namorar.
Nas cascatas de nós dois sou a saudade.

Tua alma doce a me perfumar...
Sonhamos o mesmo sonho de liberdade.
Meu sol, um girassol a te procurar.
Juntos somos milagre e cumplicidade.

Sentimento, paixão, alvorada constante!
No teu refúgio me encontro e amanheço.
Meu espelho reflete, teu desejo amante.

A poesia renasce e vive nesse instante.
No tesouro do teu colo adormeço.
O amor brilha e nossa luz é diamante!
Juli Ribeiro
Enviado por Juli Ribeiro em 20/10/2007
Reeditado em 20/10/2007
Código do texto: T702254

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Juli Ribeiro. http://www.recantodasletras.com.br/autores/juliribeiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Juli Ribeiro
Recife - Pernambuco - Brasil
181 textos (28241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 08:38)
Juli Ribeiro