Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto da insensatez de nossos tempos

Da saúde as doutas autoridades
Preconizam que fiquemos sozinhos
Ou mais distantes de nossos vizinhos
Pois não se tem a cara imunidade,

Para a qual  a vacina,  cobiçada,
A  libertar a gente  do tormento,
É hoje da ciência o maior intento,
Contra a dor que  faz  a Terra magoada.

Mas escandaliza nestes tempos a surdez
De multidões insensíveis aos reclamos,
A se aglomerar com insana intrepidez...

E assim,  longe  da sábia lucidez,
Vai-se  agregando o maior engano:
A vida despida de sensatez.

Walter Rossignoli
Enviado por Walter Rossignoli em 06/09/2020
Reeditado em 06/09/2020
Código do texto: T7056077
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Walter Rossignoli
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
303 textos (25490 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/03/21 08:23)
Walter Rossignoli