Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOLTO AO PASSADO (Velhos cajueiros)

O vento sacode os galhos dos velhos cajueiros,
Manhã amena de setembro, e o Sol a brilhar...
O cheiro agradável dos cajus se espalha pelo ar,
E numa árvore ao lado canta um sofrê faceiro.

A saudade no meu peito se explode em mil lembranças
Dos velhos tempos... Tempos que não voltam mais!
Felicidades com os meus irmãos e os meus pais!
Recordações de um tempo belo de bonança.

Recordações que em mim iguais aos mananciais
Fazem nascer as cabeceiras do lacrimogênio chorar
De um rio sereno que vai banhando o Sertão...

Tempo feliz que não esquecerei nunca mais...
Na vista turva e na melodia dos pássaros a cantar,
Ali sozinho volto ao passado nas dobras do coração.

Edimar Luz
Picos-PI, 15/09/2020.
 
Edimar Luz
Enviado por Edimar Luz em 16/09/2020
Código do texto: T7064866
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Edimar Luz
Picos - Piauí - Brasil
878 textos (47770 leituras)
357 áudios (6934 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 20:47)
Edimar Luz