Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A esposa de Ló

Esquece o teu passado numa caixa
e voa em alto mar teus vãos pertences;
põe num baú de valsas vienenses
toda (a) vil tristeza fúnebre; e baixa...

Não olheis vosso atrás. Sois peregrinos!
A cidade crepita entre os assombros
da sordidez dos pais entre os escombros,
turva no som do fantasma dos sinos.

A igreja da cidade é ruína gótica
vazante num passado general
de fome, peste, preconceito e guerra...

Não sejamos dessa vila caótica,
não queiramos ser estátuas de sal...
Somos vento que espalha o Sal da Terra...



Marcelo Moraes Caetano
Enviado por Marcelo Moraes Caetano em 24/10/2007
Código do texto: T708269

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (MARCELO MORAES CAETANO). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Moraes Caetano
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
246 textos (13425 leituras)
87 áudios (5959 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 14:47)
Marcelo Moraes Caetano