Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desconhecida IX

Hoje sei, que tens o beijo da morte
Vi, numa vitima tua
Qual seria minha sorte
Se eu continuasse, a morar na lua

És a personificação do mal
Quem te ama, já está na sepultura
Não existe retorno, ao caminho original
Em pouco tempo, acaba a aventura

Ai! De quem seque teus passos
Jamais sairá do labirinto
Ainda perdera parte dos instintos

Você destroça, teus seguidores
Amar-te, é caminho de muitas dores
Quem ti beija, já está fadado ao fracasso


Gilmar Queiroz
Enviado por Gilmar Queiroz em 09/11/2007
Código do texto: T729907

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilmar Queiroz
Laranjal do Jari - Amapá - Brasil, 41 anos
250 textos (4757 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 05:36)
Gilmar Queiroz