Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pra além das psicografias

Oxe, irmão... Por que não fazer assim?
Longe o italiano que me perdoe, e fim:
Vá! Não sou de lá ou daqui... Ah, velha história...
 
Desfaz-se a dita em tinta merencória...
Porém, esta, em meu lasso, o Mundo escore-a,
Que já rascunho o mestre a rir-se, enfim:
 
"Nem poeta, ou louco, ou fulano de tao,
Ou um tal co'ares de Athena que vá à Igreja...
Que sou? Um sopro, um nada em prosa? Que seja:
Conquanto fogos ateie (hibernal)...
 
Homem, é tão curto o espaço à Peleja,
E parto eu da Grandeza (a dizer 'tchau'):
'Quem, sendo areia de pêndulo, almeja
Ser, por acaso, em vida, original?'"
 
a 11/02/06
Luciano Almeida
Enviado por Luciano Almeida em 15/11/2007
Código do texto: T738143


Comentários

Sobre o autor
Luciano Almeida
Teresina - Piauí - Brasil, 41 anos
957 textos (41731 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/03/21 21:54)
Luciano Almeida