Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
alf-t.gifalf-r.gifalf-o.gifalf-v.gifalf-a.gifalf-s.gif
                                           Trovinhas por aí...



Não sei o que aconteceu
entre nós dois, tu e eu,
o mundo, agora, é escuro,
mas o meu amor é puro.

.  .  .

Abro os braços e abraço,
o amor que vem chegando,
expulso pra longe o cansaço,
canto e rio festejando.

.  .  .

Não escutas o que digo,
quando te falo de amor,
assim mesmo eu prossigo,
com paixão e muito ardor.

.  .  .

Das artes é a mais sublime,
supera a beleza da rosa,
esta trova bem exprime:
pra mim é maravilhosa.

.  .  .

A melancolia me invade,
às vezes por dias seguidos,
problema, talvez, da idade,
ou da flecha de Cupido.

.  .  .

Céu azul de nuvens brancas,
brilha o sol, já raia o dia,
eu lembro Florbela Espanca,
sentimento e poesia.

.  .  .


 DELEY
Florbela, inimitável modelo,
Versos belos como Atenas,
Mas eu sou movido pelo
Conteúdo de Helena.


 ANGELICA GOUVEA
 Mas o meu amor é puro
e vem a ele mostrar
Eu venho e asseguro
o quanto tu sabes amar.

Canto o rio festejando
no calor de seu abraço
pois continuo lhe amando
no meu dia passo a passo.

Com paixão e muito ardor
vou procurar te ouvir
Viver este grande amor
e junto de te seguir.

A melancolia me invade
e depressa mando embora
não vai ser a minha idade
o motivo dela vir agora.

Sentimento e poesia
brotam em meu coração
que traz a harmonia
nos versos de uma composição.




HLuna
Enviado por HLuna em 07/01/2018
Reeditado em 09/01/2018
Código do texto: T6219434
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
HLuna
Fortaleza - Ceará - Brasil
10463 textos (251733 leituras)
15 e-livros (992 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 02:32)
HLuna