Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SER POETA Margarida Silveira (Margale)

o poeta refaz sua vida
nos encontros das letras que faz
no repente,no sonho, na lida
e na trova mostra que é capaz

quando penso ja jogo nas letras
sentimentos de amor e carinho
passo adiante a beleza do mundo
com as rosas aceito os espinhos

as estrelas e as borboletas
tem um brilho e encanto especial
os poetas que usam as letras
também tem seu diferencial

os poetas com olhos sinceros
veem o mundo de todas maneiras
com papel e caneta na mão
fazem versos até escrevem besteiras

todos sabem que a alma poeta
tem seu jeito especial de ver
vão ao céu e descem de escadas
pra na terra seu verso escrever

mas amigo poeta agradeço
tua mensagem teu hino de alerta
neste mundo meio conturbado
os teus versos tem portas abertas

vou fazer de voce a beleza
o amor, a paz e a calma
vou tirar RX com certeza
dos encantos que tem tua alma

e mostrar para todos contente
que és capaz de conquistar o mundo
que teus versos não morram jamais
tuas trovas são sonhos profundos

agradeço ao mestre dos mestres
pelo dom de escrever a emoção
abraço a todos colegas
mando versos ao seu coração
margale
Enviado por margale em 25/10/2007
Código do texto: T709056
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
margale
São Miguel do Iguaçu - Paraná - Brasil
235 textos (8625 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 04:12)
margale