Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Com ardor

Musa perfeita do meu existir,
imploro a ti um pouco desse amor
leve e gracioso que me faz sentir
enamorado. Peço com fervor:
não me abandones, pois não sei viver
em tua ausência. Volta, por favor!

Amiga, escuta um pobre coração,
recebe os versos que te fiz, e vê:
devo ser louco ao te falar assim
enamorado e doce, mas, por fim,
recebe esses meus versos de paixão!

----------
14/01/2003
(*)Desafio atendido no extinto site da Magriça, escrito sob encomenda para: António Torre da Guia, que por sua vez a dedica para: Milene Arder:
"Pelo menos nos vinte últimos anos, a poesia tem tomado caminhos de liberdade absoluta na exposição do verso. A métrica, a rima, o estabelecimento regular das estrofes, deixaram de ter pendor determinante. Por exemplo, hoje em dia raro se nos depara um acróstico.
Era exactamente o acróstico de MILENE que eu pretendia. As seis letras na vertical iniciam cada um dos versos da sextilha. Quem faz?!
Com antecipado e cordial agradecimento..."
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 05/06/2006
Código do texto: T170064
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Paulo Camelo - www.camelo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 68 anos
909 textos (260285 leituras)
36 áudios (10733 audições)
6 e-livros (1686 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:16)
Paulo Camelo

Site do Escritor