Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACRÓSTICO PARA A JOESA LINDA.

ACRÓSTICO PARA JOESA LINDA.




J uro-te! Minha menina linda,
O lvidar-te jamais acontecerá!
E stou em ti com a minha natureza.
S angue do meu sangue, pulsando nas
A rtérias que ajudei a existir.



R aros são os momentos de alegria neste
O stracismo que me impuseram.
S ofro por demais com a tua ausência,
A mando-te com as minhas doridas saudades.



D e ti, minha pequena branca.
A mor único e último que tenho.



S abidamente te amo muito.
I dilicamente como poeta e pai.
L astimo esta sofrida distância.
V er-te? Até te vejo na semana.
E ntretanto, não é como outrora.
I rmanados e juntos no dia-a-dia.
R iqueza minha que perdi e, sobrou-me
A ssim, a tua doce e terna lembrança.


Eráclito Alírio




Eráclito Alírio da silveira
Enviado por Eráclito Alírio da silveira em 25/11/2006
Reeditado em 26/11/2006
Código do texto: T300827
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eráclito Alírio da silveira
Imaruí - Santa Catarina - Brasil, 74 anos
889 textos (135353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:49)
Eráclito Alírio da silveira