Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAÇÃO SOLITÁRIO

C ada dia que passa percebo o peso da coroa artística
O peso de suas pedras, a literatura, o desenho, a música
R esta-me dobrar-me ante o peso de seu ouro
A inda que seja apreciado pelo meu trabalho
C ontemplado pelo que faço
A plaudido pelo que proporciono
O vacionado pelo público

S omente eu sei o quanto é triste a realidade
O mal que causo a mim mesmo de hoje para sempre
L evando adiante essa pira
I ndo onde só os bardos sabem o caminho
T amanha a solidão que levo comigo
A lvejado pelos olhos que me lêem com balas de parabéns
R etalhado porém pela tesoura dos que têm que viver comigo
I merso no mar da minha própria lama de ser quem sou
O btendo apenas o carinho da letra e o abraço subjetivo.
Danilo Macedo Marques
Enviado por Danilo Macedo Marques em 30/11/2006
Código do texto: T305572

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Danilo Macedo Marques
São Paulo - São Paulo - Brasil, 42 anos
59 textos (11368 leituras)
1 áudios (182 audições)
3 e-livros (1731 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:36)
Danilo Macedo Marques