Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O – P – A = ACRÓSTICO EM TRÊS AMORES



Em busca do meu  desEjo, eu, eu, vou ainda querer amar-tE
Urge dialogar sem  tabU, absorvendo o teu calor somente tU

Vibrando em tocar os Versos, eu não não serei Anton BeloV
Olga não tenho essa  vOz, tão capaz de parecer  ao barítonO
Usufruindo d`ssa  comUnhão duradoura,  falar-te-ei no saraU

Salvaguardand'os  nosSos interesses, tu terás muitos sansõeS
Em cada minuto, nós sEremos o único, único pássaro errantE
Mesmo distante, ficareMos juntos, aprofundando mais e aléM
Partind' em nossos corPos, as alegrias destes sentimentos viP
Refratando fulgor nas tRansparências, e não há  mais rancoR
Entreluzindo na paz intErior, o labor de um amor combatentE

Transbordante, compleTo, traduz nos seios, energia em  volT
Encaminhando nos desEjos o cupido nesse espírito que ardE

Amaciando com caríciAs, a semente do bel-prazer que jorrA
Maleável e tão precisaMente no teu íntimo amoroso e vaivéM
A minha vida será a mAnsão do nosso amor, seleiro da almA
Resguardando as lembRanças com inclinação, é, o teu amoR



ERASMO SHALLKYTTON
Enviado por ERASMO SHALLKYTTON em 27/09/2007
Reeditado em 04/10/2011
Código do texto: T671297
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ERASMO SHALLKYTTON
Caxias - Maranhão - Brasil
4261 textos (2097660 leituras)
1 áudios (995 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 01:10)
ERASMO SHALLKYTTON

Site do Escritor