Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BARBARA NONATO


Babel, balbúrdia de línguas desencontradas, 
A menina que descrevo quase isso.
Risos que derruabam uma fortaleza.
Brilanhante como a luz de um novo dia.
A liberdade dos seus olhos castanhos
Reverencia a filosofia dos seus passos.
Ante a ela tudo é pequeno e alegre.

Nula é qualquer indiferença ao seu lado,
O seu jeito majestoso, mulher determinada,
Não assimila as paixões devaneiras.
Alegre forma do teu rosto, 
Tanto que nunca ei um dia esquecer.
que sinto é muito mais. Amizade.
Aderruan De Marco
Enviado por Aderruan De Marco em 07/12/2007
Código do texto: T768165

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (POR FAVOR,SE FOR USAR ALGUM TEXTO ME AVISE E VOCÊ DEVE CITAR A AUTORIA DE ADERRUAN DE MARCO E O SITE www.aderruandemarco.com). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aderruan De Marco
Samambaia - Distrito Federal - Brasil
96 textos (16422 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 00:52)
Aderruan De Marco