Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mr. Holland - adorável professor !

O título deste artigo é o mesmo de excelente filme, com mais de duas horas de duração, que traz a emocionante trajetória de um homem que viveu uma vida extraordinária. Com Richard Dreyfuss, que vive o personagem Holland, um pai, professor, músico, maestro, compositor.

            É realmente um filme para emocionar. Ele mostra a luta de um compositor que começa dar aulas de música para melhorar o orçamento e depara-se com o desinteresse dos alunos. Para conquistar a atenção dos alunos, ele altera profundamente sua didática, despertando resistência de diretores e colegas, mas influenciando decisivamente a vida de muitos deles.

            Em meio aos apuros da vida familiar e às neuroses cotidianas que todos vivemos, inclusive as inseguranças pessoais e lutas comuns aos seres humanos, o único filho do casal nasce com surdez, aumentando as dificuldades familiares.

                A história se passa na década de 60 e avança até próximo do ano 2000, mostrando a evolução do tempo, envelhecendo os personagens, e traz a linda mensagem da gratidão de toda uma cidade, e especialmente de alunos de várias gerações, a um homem que influenciou beneficamente a vida de todos eles.

            É claro que não vou tirar o sabor da surpresa e emoção que o leitor poderá viver assistindo o filme. Deixo o detalhe da surpresa final para que você que lê estas linhas possa sentir e emocionar-se. Se contar aqui, estragarei o prazer final.

            O que desejo destacar mesmo é o grande poder que todos detemos de nos influenciarmos mutuamente. Há pessoas realmente especiais que mudam nossas vidas, seja pelo exemplo, seja pela determinação ou pela bondade natural que carregam consigo. É o caso relatado pelo filme.

            Por outro lado, também influenciamos outras pessoas. O desafio está em influenciar positivamente, para que  geremos estímulos de crescimento, auxiliando companheiros de viagem comum a vencerem dificuldades, a superarem as próprias limitações e descobrirem afinal que todos somos tesouros em potencial, faltando apenas estimular o desabrochar de capacidades e dons, muitas vezes escondidos ou limitados pela timidez.

            Há que se pensar que também devemos nos deixar influenciar por bons exemplos, visando o próprio crescimento. Aliás, pensando em crescimento pessoal, vençamos o desânimo, o pessimismo, o medo, a timidez. São todos bloqueadores de iniciativa e realizações que trazem a felicidade e a realização pessoal.

            Portanto, amigo leitor, não deixe de ver o filme. Ele trará grande acréscimo ao seu crescimento pessoal. Está disponível nas locadoras. Você não será mais o mesmo depois de assisti-lo.

            Porém, falando em professores, esses mestres autênticos e adoráveis companheiros de vida – que nos influenciam para a vida toda –, merecem igualmente para sempre nossa gratidão. São eles que, ao lado de nossos pais, nos ensinaram viver. E, interessante, isto não ocorre apenas na infância. Alunos mais maduros, que oram retomam os estudos, novamente encontram motivação e alegria na convivência com o ambiente escolar e no aprendizado que esses mestres anônimos transmitem, construindo a vida sem cessar.
 
Orson
Enviado por Orson em 02/02/2006
Código do texto: T107257
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orson
Matão - São Paulo - Brasil, 56 anos
298 textos (94301 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:55)