Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lençol Sujo

Verdadeiramente, um dos grandes problemas humanos é a preocupação com a vida alheia. Se cada um cuidasse de si, muitas angústias seriam evitadas e os caminhos da humanidade seriam outros. Mas existe um exagero de importar-se com o que o outro faz, como faz, não para aprender, mas para tirar algum proveito ou denegrir o esforço do outro, para parecer-se melhor.

Recentemente, li pequena estorieta sobre um casal que mudou-se para a casa nova, recem-reformada. Na primeira manhã, o esposa observou ao marido que a vizinha não sabia lavar roupas, pois que ele notasse como o lençol estava imundo. O fato repetiu-se no segundo e terceiro dia, sempre com o silêncio do marido. Mas, no quarto dia, a esposa observou com detalhes que a vizinha havia aprendido a lavar roupas, que alguém finalmente lhe havia ensinado, pois que ele notasse agora como o lençol estava limpo. Aí o silêncio do marido foi rompido, quando ele disse que houvera levantado mais cedo e lavado a vidraça ...

Sempre a tendência humana de desvalorizar os outros, sem exengar as próprias dificuldades. A vidraça eram seus olhos ...

Não é por menos que o Evangelho do Cristo nos ensina a ver antes a trave que trazemos nos olhos antes de ver o cisco no olho alheio.

Outro dia também lemos um artigo com o título O que mais desejam as mulheres ? Este artigo conta a triste estória de um homem obrigado a casar-se com uma bruxa. Na noite de núpcias, ela pediu a ele que escolhesse entre tê-la como uma bela mulher durante a noite e como bruxa durante o dia ou o contrário, uma bruxa para a noite e uma bela mulher como companheira. O que faríamos numa circunstância assim ? Pois nosso personagem deixou que ela escolhesse a própria decisão. Sensibilizada pela liberdade que o sofrido marido lhe dera, ela resolveu apresentar-se para ele de maneira permanente como uma linda mulher, revelando o segredo da pergunta: O que as mulheres mais desejam é serem donas da própria vida. E isto cabe para casais, pais e filhos e em todo relacionamento humano. Em palestra interativa que temos realizado com o público espírita, temos feito pesquisa com diversas perguntas, onde o ouvinte participa respondendo. A única resposta unânime de todos os participantes, em todos os lugares que usamos a técnica, foi: o que as pessoas mais desejam é atenção. E atenção significa antes de tudo respeito. E este liga-se a deixar que as pessoas vivam a própria vida.
Orson
Enviado por Orson em 28/03/2006
Código do texto: T129853
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orson
Matão - São Paulo - Brasil, 56 anos
298 textos (94300 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:50)