Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COPA? COZINHA? QUINTAL?

Até que enfim a copa do mundo acabou, afinal mais uma vez foi um fiasco daqueles! Estive pensando com os meus botões, ouvindo um jornalista esportivo aqui, outro acolá e a conclusão que cheguei não foi nada conclusiva.

Será que os jogadores brasileiros por não serem mais tão brasileiros assim acabaram confundindo a palavra copa, com aquele prolongamento da cozinha, onde fazemos refeições e batemos papos informais?
 
Ou quem sabe, com a regra de poder ter visitas sexuais durante a concentração, eles acabaram confundindo jogo com pelada...

Trocadilhos à parte, o bonito disso tudo é ver o verde amarelo sendo estampado em todos os cantos, em todos os rostos, o orgulho de ser brasileiro.

Mas (e eu digo que toda história tem um “mas”) a situação após a derrota foi de descaso absoluto. Um arrancar de bandeiras e enfeites como que querendo arrancar do peito a dor da perda de um torneio esportivo, arrancando junto  fiações elétricas e telefônicas das ruas onde esses adornos estavam presos. O lixo espalhado pelos cantos, pelas ruas, correndo solto, entupindo bueiros.
 
E o orgulho nacional indo junto para o ralo!

Ser brasileiro é somente ser torcedor da seleção de futebol? Ser brasileiro é ter orgulho de quatro em quatro anos?

Se formos pensar nisso, temos outra “competição” que ocorre a cada quatro anos e que, esta sim, afeta o nosso dia a dia: as eleições.

Não é chegada a hora de usarmos essas bandeirolas, enfeites que comemoram o “ser brasileiro” e usá-las para se pedir um Brasil melhor, mais justo?

Hora de se chamar a atenção para o quadro político que estão preparando e que vai mudar o nosso futuro, a nossa condição de vida, a educação de nossos filhos! E junto a essas bandeirolas, fazer um aviso a esses candidatos que não queremos nossas ruas sujas com cartazes, panfletos, propagandas, na maioria das vezes enganosa. Que, somos sim, o País do carnaval e do futebol, mas temos inteligência suficiente para discernir o que nos é melhor!

Temos que mostrar, nas próximas eleições, que queremos de volta a Ordem e Progresso, profanadas na nossa bandeira!
Assim como a copa, a eleição para presidente acontece de quatro em quatro anos, mas perder um título de um campeonato mundial de futebol é muito mais fácil que aturar um presidente incapaz, corrupto pelo mesmo período, mesmo porque isso afeta diretamente os “nossos traseiros acomodados”, como diz o atual presidente, aquele mesmo com nome e atitudes de molusco.

Enloucrescida
Enviado por Enloucrescida em 14/07/2006
Código do texto: T193882

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Enloucrescida
Santo André - São Paulo - Brasil
643 textos (90362 leituras)
14 áudios (2055 audições)
4 e-livros (1122 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/06/17 13:04)
Enloucrescida