Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Arnaldo Jabor

O conhecido cineasta, escritor, jornalista e comentarista Arnaldo Jabor esteve em Matão para palestra endereçada a empresários da cidade. Fui ouví-lo.

Irreverente, às vezes irônico, despreocupado com o que dele pensam, mas muito inteligente. Uma palestra de 90 minutos muito agradável. O tema foi Quem é o Brasil?, onde ele fêz uma retrospectiva histórica da nação, desde os velhos tempos do descobrimento até os desafios da atualidade.

Com amplos conhecimentos de história e política, conquistou a platéia com muita lucidez em seus argumentos e ponderações. Interessante a análise histórica do Brasil através do tempo e a constatação dos desafios brasileiros frente até à inexperiência e ausência de madureza do povo e governantes. É realmente uma questão de amadurecimento. Somos ainda muito jovens...

Indagado por um jornalista sobre qual a solução para o Brasil?, argumentou brilhantemente que a solução está dentro de cada brasileiro, pois nós somos o Brasil. E este é ponto capital desta matéria: a responsabilidade e a ética individual é que podem mudar o Brasil, onde quer que esteja cada cidadão do Brasil.

Não há solução para o Brasil senão aquela que encontre em cada indivíduo a postura de honra, respeito e ética. Ética que se estende pelas instituições, transações e todas as demais práticas familiares, sociais, nacionais ou internacionais. A abordagem do famoso comentarista e cineasta passeou pela influência portuguesa no país, nos desmandos administrativos em todos os tempos, relatou incompetências e imoralidades de toda ordem, mas o essencial destacou esperança e otimismo, pois afinal o brasileiro acuado por tanta imoralidade está amadurecendo e aprendendo a fazer escolhas. Felizmente a postura anti-ética está sendo banida do cotidiano brasileiro e mundial. É claro que falta muito, mas as experiências de fracasso e dor aprimoram a consciência do dever.

Por tudo isso é importante que pais e professores destaquem a moral, a honra, o reto proceder. Por que os pais preferem conquistadores a filhos moralizados? Eis a chave da mudança na sociedade. Falar e exemplificar os princípios morais para os filhos, eis um dever impostergável dos pais. Afinal, a sociedade reflete o ninho doméstico.

O Brasil só muda se mudarem os brasileiros, numa permanente auto-análise de posturas e comportamentos para a busca de padrões morais coerentes com a dignidade humana. Seja na família, na política, na sociedade ou onde estejamos.
Orson
Enviado por Orson em 02/10/2006
Código do texto: T254240
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orson
Matão - São Paulo - Brasil, 56 anos
298 textos (94346 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 07:55)