Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Prioridades



Realmente nossa vida é tocada por prioridades. Há tempos atrás tentei fazer uma lista das minhas prioridades. De lápis e papel nas mãos fui relacionando o que considerava mais importante. Na medida em que a lista aumentava, também aumentava minha dúvida, pois sempre aparecia algo com maior grau de urgência que o outro e isso se transformou num sobe e desse, num risca e rabisca, num escreve e apaga sem limites.

Por fim cheguei a um veredicto, na escala de um a dez, conclui que minha maior prioridade é a consciência tranqüila. É poder discernir sobre o que é certo e errado, é poder deitar-me à noite e dormir um sono tranqüilo, é sentir-me realizado pelas minhas ações e meus exemplos. Mas para chegar a essa conclusão é preciso passar por muitas outras prioridades, pois uma leva à outra, que leva à outra e assim por diante.

Primeiramente é preciso exercitar a calma, porque ela se faz acompanhar de muitos outros atributos, como os bons modos e a compreensão. É preciso primar pelos bons amigos e bons costumes. É preciso cultivar a autocrítica, pôr-se no lugar dos outros e praticar o respeito ao próximo. Oportunamente devemos entender que respeito ao próximo é obrigação de gente de bem.

Já tive muitas prioridades na vida, carro novo, casa bonita, roupa elegante. Já tive outras tantas como dinheiro, a mulher mais bonita da turma. Já considerei como prioridade o status, destacar-me na multidão. Não fui diferente de ninguém, que sonhou e julgou que as prioridades são as coisas palpáveis, que acreditou que se deve realmente priorizar o valor monetário ou a pífia ilusão de falsos holofotes.

Mas algumas coisas não se compram, se conquistam...

O amigo sincero, o abraço apertado que definitivamente elimina a indiferença. A palavra certa, na hora certa, no lugar certo. Prioridade é a mão estendida. Prioridade é esposa carinhosa, marido companheiro. Prioridade é partilha, é casa cheia de risos. Prioridade é a saúde e educação, é suspirar de emoção, é respirar fundo e acreditar que tudo vai passar. Prioridade é amar e ser amado, o amor que não se compra, que não se vende, que apenas doa-se. Prioridade é envelhecer e aprender com isso. Prioridade são as praças cheias de pessoas, é ar puro sem fumaça, é a fruta conseguir madurecer no pé, são as coisas no tempo certo. Prioridade é paz, é consciência tranqüila.

Todos nós, impreterivelmente temos nossas prioridades. Contudo, nada substitui o intangível, o imaterial. Nada substitui aquilo que não apodrece, que o tempo ou chuva não estragam, nada substitui o que vem do coração.

Amigo leitor, lute pelos seus desejos e sonhos e conquiste-os todos! Mas nunca deixe de priorizar a paz. Caminhe sempre em frente, aprendendo dia após dia com cada passo dado.

Pensemos nisso!


Reginaldo Cordoa, futuro Administrador de Empresas e Apaixonado pela Vida.
16/01/2006

Reginaldo Cordoa
Enviado por Reginaldo Cordoa em 17/11/2006
Código do texto: T293999
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reginaldo Cordoa
Matão - São Paulo - Brasil, 46 anos
95 textos (23233 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:38)
Reginaldo Cordoa