Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



É pela mudança de mentalidades que tem de se dar a volta ao estado de coisas.

Nós somos a maioria, não os que se aproveitam do nosso alheamento.

Eles, estão no poleiro onde nós os colocamos e são vampiros: vivem do que nos sugam.

Dão-nos migalhas e nós ainda agradecemos

Porque agradeceríamos?!

Quem produz a riqueza de que uns tomam quase tudo e outros deixam displicentemente cair algumas migalhas para nos manterem sossegados?!

Fazem-nos lavagens ao cérebro, denegrindo-nos... quem lhes outorgou uma tal inteligência?!... ainda por cima os senhores do poder são mentecaptos, coitados, são mesmo - os estúpidos têm direito à vida, mas jamais a mandarem no mundo.

Porque iremos nós na \"cantiga do bandido?!

Dizem-nos:

- atira-te a um poço...

E nós, muito bem educados, dizemos:

- Muito obrigada!

E vamos!

Arre que demais!

Na nossa terra diz-se

\"arre porra que é demais!\"

e não é nenhum palavrão, é uma simples interjeição.

É preciso haver quem pense, quem divulgue ideias

se nascemos com essa aptidão ponhamo-la ao serviço do bem comum!


09/10/2004
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 20/11/2006
Reeditado em 20/11/2006
Código do texto: T296647
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Petronilho (registo www.igac- ref 2276/DRCAC - Ministério da Cultura, Portugal)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Maria Petronilho
Almada - Setúbal - Portugal, 64 anos
1238 textos (130540 leituras)
60 áudios (14347 audições)
9 e-livros (5156 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:11)
Maria Petronilho

Site do Escritor