Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E o palhaço, o que é...

     Nós, brasileiros confessos, temos vivdo momentos de angústia e sofrimento ao vermos nossa pátria amada mergulahada no caos da violência, do abandono, da miséria.
     Lembro-me, com saudade da infância, dos divertidos Carequinha e Arrelia, palhaços engraçados, que dignificavam a lama brasileira com sua alegria e descontração. Ouso afirmar que eram a síntese de nós todos: alegres e gentis.
     No dia 23 de maio de 2005, arrfeceu um pouco da minha esperança em dias melhores: aos 99 anos, morreu um pueril encantador de gerações, o palhaço sério, Waldemar no nome; Arrelia no ser: os dois se encontraram para a última viagem. Hilariante certamente.
     Vida e obra distinguiram-se no homem e se aproximaram no palhaço; ilustraram sua vocação à seriedade e designaram os caminhos retos do "ser gentil"; abrilhantaram nossas vidas simples e ofuscaram os detentores do mau-humor perenal.
     Como não lembrar "Como vai, como vai, vai, vai... Eu vou bem, muito bem, bem, bem..." cumprimento trivial, nos tempos imemoriais da educação mais elementar? Como esquecer a bengala inseparável a piruetear em saltos e giros saltimbancos?
     Waldemar Seyssel, o mortal, enlutou-nos ao mitificar Arrelia, o pândego deus do riso.
     Descansa em paz, Palhaço!
Nel de Moraes
Enviado por Nel de Moraes em 02/07/2005
Código do texto: T30192

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site www.neldemoraes.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nel de Moraes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
407 textos (351735 leituras)
2 e-livros (297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:44)
Nel de Moraes